segunda-feira, 16 de julho de 2007

Processo Terapêutico

O processo psicoterapêutico pretende ajudar a pessoa a lidar com as suas dificuldades e problemas, assim como potenciar os seus próprios recursos e promover o bem estar emocional. Desta forma, desenvolvem-se competências que lhe permitam, no futuro, lidar com problemas semelhantes de forma mais funcional, visando uma melhoria da qualidade de vida do indivíduo.
O processo psicoterapêutico passa, essencialmente, por 3 grandes fases: A primeira é a fase em que se avalia ou se desconstrói o pedido, o motivo pelo qual o cliente procurou o Psicólogo, a recolha do historial de vida, e em que se faz a avaliação psicológica da pessoa. Após essa primeira fase, chega-se finalmente à consulta de devolução, na qual se transmite as conclusões ou o diagnóstico ao qual se chegou, tendo sempre por base a avaliação psicológica previamente realizada. Com base nisso entra-se na terceira etapa, a fase de acompanhamento. Aqui são definidos os objectivos terapêuticos a alcançar e "trabalham-se" as estratégias e técnicas que irão conduzir à mudança de pensamentos e comportamentos, de modo a reestabelecer o equilíbrio emocional e psicológico do cliente/ paciente. Esta última fase é por si só um processo moroso.

1 comentário:

Hugo Jorge disse...

Gostei deste post. Sugiro uma visita ao meu blog

http://pazoriginal.blogspot.com/